Dores no Pescoço? A Massagem Pode te Ajudar

Dores no Pescoço Massagem

Dores no pescoço podem ser provenientes de problemas simples, como um torcicolo, uma leve torção ou até mesmo uma tensão nervosa, provocada por um trabalho extenuante em frente ao computador.

Entretanto, dores frequentes e crônicas podem ser um indicativo de algo mais grave e que deve ser investigado, além de proporcionar uma significativa queda na qualidade de vida.

Dores no pescoço também podem indicar graves distúrbios ortopédicos e musculares na região, e devem ser analisadas não somente por seu massagista, mas também por médicos especialistas que, através de exames, conseguirão identificar a causa e elaborar o tratamento adequado.

Existem muitas formas de amenizar e evitar as dores no pescoço, tais como melhorar a postura, praticar atividades físicas com regularidade, alinhar a coluna e o pescoço com travesseiro adequado quando se deitar e realizar alongamentos frequentes na região.

Mas quando o problema não é apenas físico, mas também decorrente de um estado tensional, nada melhor do que uma massagem bem administrada para aliviar as dores e relaxar a musculatura, eliminando juntamente os nós de tensão.

Nestes casos, há diversas modalidades de massagem que podem ajudar a contornar o problema e reduzir as dores no pescoço.

Neste artigo, iremos abordar três tipos extremamente eficientes que atuam de forma precisa e eficiente no alívio de dores e desconfortos no pescoço e, também, nos ombros.

Os três tipos de massagens recomendados são: Massagem dos tecidos profundos, massagem dos pontos de gatilhos e a reflexologia.

A reflexologia é a modalidade de terapia que envolve a aplicação de pressão através dos polegares do profissional massagista em pontos específicos e definidos nos pés, mãos e extremidades.

Esses pontos possuem uma estrita e intensa correlação com os demais pontos e regiões do corpo, ligados às terminações nervosas.

Assim, estimulando esses receptores com a massagem, o pescoço lesionado poderá se beneficiar dos toques graças às ligações nervosas existentes ao longo de nossos corpos.

A massagem dos pontos de gatilhos também é amplamente utilizada nos problemas envolvendo o pescoço e os ombros.

Esta modalidade visa atacar toda a rede muscular conectiva da região, destravando todos os bloqueios e tensões crônicas, aliviando imediatamente as dores causadas por estresse e tensão excessivos.

As dores no pescoço geralmente são originárias de má postura e movimentos repetitivos, ou mesmo por causa da ausência deles.

O simples fato de permanecer parado por muito tempo observando uma tela de computador pode desencadear fortes dores no pescoço e até lesões mais sérias.

A musculatura tensa e contraída por muito tempo fica irritada, tornando-se mais enrijecida, tensa e com nódulos de tensão, que, muitas vezes, podem ser sentidos com um simples apalpamento do massagista.

Neste sentido, a massagem dos pontos de gatilhos atuam liberando e suavizando esses nódulos de tensão, ajudando a reduzir as dores no pescoço, além de destravar e ampliar os movimentos da região.

Por último, a massagem dos tecidos profundos, podendo ser a mais indicada para esses problemas envolvendo dores musculares, sendo uma excelente alternativa para aliviar as dores com mais rapidez e com resultados muito mais prolongados.

A técnica da massagem dos tecidos profundos é geralmente, também, a modalidade utilizada para eliminar a rigidez muscular, aliviar as contraturas e lesões, pois atua nas diversas camadas musculares abaixo da pele.

Apesar de ser extremamente benéfica, a massagem deve sempre ser aplicada com regularidade e com a frequência estipulada pelo profissional terapeuta, tornando a musculatura mais flexível, ampliando os movimentos, eliminando as dores e desconfortos provenientes de estados de tensão, principalmente no pescoço.

Curtiu este artigo? Compartilhe!

Artigos Relacionados

2 Comentários para “Dores no Pescoço? A Massagem Pode te Ajudar”

  1. Lia Vicente Reis

    Minhas dores no pescoço são muito frequentes e nunca consegui me livrar delas. É angustiante querer poder sair, viajar e me divertir e estar impedida de tudo isso, por causa de fortes dores no pescoço.
    Já venho fazendo tratamentos com massagem há quase 3 meses e notei uma considerável melhora, principalmente nas crises crônicas. Gostaria muito de poder contar com sessões de massagens mais frequentes, mas no momento, apenas consigo realizar o tratamento um vez por semana e os resultados já são fantásticos.
    A massagem cura realmente as fortes dores, mas o tratamento é, de certa forma, um pouco demorado e bastante custoso. Mas está valendo a pena!

  2. Ana Paula

    Nossa, eu preciso muito de uma massagem no meu pescoço!! Tenho dores insuportáveis e nenhum remédio ajuda. Meu médico indicou fazer exercícios e fisioterapia, mas nos dias críticos não consigo nem mexer o pescoço… vou tentar uma massagem com um profissional para ver se melhora. Valeu pela dica!!

Deixar um Comentário